O projeto de leitura da edição alemã de PR

Em 5 de janeiro de 2017 o fã alemão Martin Ingenhoven começou um projeto audacioso: ler toda a série “Perry Rhodan” desde o primeiro episódio, “Missão Stardust”. Ele teve esta ideia após receber os episódios 1 a 2600 de outro fã da série, que queria doar seus livros para alguém que pudesse conservá-los. No primeiro mês do projeto Martin já leu mais de trinta histórias, e segundo suas próprias estimativas ele espera passar pelo menos os próximos dez anos totalmente imerso no universo ficcional da maior série de ficção científica do mundo…

Após a leitura de cada episódio Martin posta suas impressões em seu blog, que são sempre bastante interessantes. Porém ele não escreve resenhas das histórias, já que seu interesse principal consiste em relatar os detalhes da experiência de ler toda a série desde o início… Dessa forma ele faz comentários sobre trechos curiosos das histórias, especialmente aqueles que refletem a visão de futuro dos anos sessenta, bem como sobre o processo de organização, armazenamento e conservação de uma coleção tão grande.

ingenhoven

Martin Ingenhoven e sua coleção

O blog do Martin, que se chama “Heftehaufen” (“Pilha de Livrinhos”), encontra-se disponível no seguinte endereço:

www.heftehaufen.blogspot.de

Como o blog está em alemão, os fãs brasileiros podem tentar lê-lo com a ajuda de serviços de tradução automática, como o tradutor do Google.

Curiosamente a iniciativa do Martin não é inédita, já que em 2011 o fã norte-americano Kent Hare tentou fazer o mesmo com a edição em inglês da série… Maiores informações sobre este outro projeto de leitura encontram-se disponíveis na seguinte postagem do blog:

www.cesarmaciel.wordpress.com/2011/02/28/o-projeto-de-leitura-da-edicao-norte-americana-de-pr

Anúncios

5 Respostas to “O projeto de leitura da edição alemã de PR”

  1. Renato Macedo Says:

    O projeto é ótimo e eu já estou nele desde o final de 2016. Consegui emprestada a coleção, de um amigo, até o volume 536, lançados pela Ediouro. Já li o ciclo 01 e estou no ciclo 02. Enquanto a SSPG preenche “a lacuna” do volume 537 ao ciclo do Concílio e organiza seus novos volumes digitais, vou relendo desde o início. Notei também, como você citou na matéria acima, a tecnologia da época, descrita pelos autores, onde computadores emitiam “tiras” e “fitas” com resultados de análises, etc…Muito legal mesmo!

  2. marcosevane Says:

    Eu gostaria de poder fazer isso também, mas não tenho a coleção toda. Boa leitura ele terá por bom tempo.

  3. Rubens Beserra Says:

    Ler a série toda???Nossa!!!Eu tenho o primeiro ciclo inteiro em PDF,mas só li até o episódio 10.Haja fôlego!

  4. Cesar Says:

    Iniciei minha leitura lá por volta de 2013, havia o primeiro ciclo completo na biblioteca publica da minha cidade. Observei aquelas capas estranhas naqueles livrinhos amarelados pelo tempo e resolvi emprestar o primeiro exemplar e me fascinei. Depois de alguns anos de leitura “contínua” e outros sem nada, hoje estou no episódio 69. Pela minha expectativa, no ritmo que eu levo, morro e não leio tudo.
    De qualquer modo, a leitura da série, desde o primeiro livro (era criança), me influenciou de algum modo a cursar física.. na época queria saber como desenvolver a tecnologia arcônica e fazer viagens pelo espaço.

    • DIO Says:

      Oi Cesar! A biblioteca de sua cidade tinha o primeiro ciclo completo, e depois? Vc continuou a ler a série adquirindo outros volumes impressos, ou buscou os livros para baixar na internet? Vc ainda não começou com os livros da SSPG, né! Acompanha os grupos sobre a série Perry Rhodan no Facebook? Inté+, DIO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: